Entre em Contato                    


Empresa
      Serviços
      Parcerias
Estruturas Espaciais
      Vantagens
      Aplicações
      Geometria
      Materiais
Obras Executadas
      Atestados
Imprensa
Links

HOME 

 NOVA PORTARIA DA PORTOCEL – Barra do Riacho – Aracruz - ES 

Cliente final: PORTOCEL - TERMINAL ESPECIALIZADO DE BARRA DO RIACHO S/A

Contratante: SERTENGE Ltda

 

Local: Barra do Riacho - Aracruz - ES

Área:  1.098 m2

Arquitetura: PÖYRY Tecnologia Ltda

Projeto Estrutural: Nomura Engenharia

Características

Estrutura Espacial em aço composta por perfis tubulares de seção redonda, terças de cobertura em perfis dobrados, suportes montantes e acessórios, tudo em aço COR-420, ASTM-A53/B e API-5L/B. Apoios e juntas soldadas (nós) em aço ASTM A-36.

 

Acabamento: Proteção contra a corrosão através de processo de zincagem por imersão a quente, além de pintura eletrostática / líquida.

Prazo de montagem: 45 dias

Equipamento utilizado: Sistema de Içamento SPCOM.

 

Peso da estrutura:            30 toneladas

Maior balanço:                 12.030 mm

O cliente final

O TERMINAL ESPECIALIZADO DE BARRA DO RIACHO – PORTOCEL é o único porto do Brasil, especializado no embarque de celulose. Está preparado para receber navios continuamente, com capacidade de embarque anual de 4.500.000 toneladas de celulose. O porto é de propriedade conjunta da Aracruz (51%) e da Cenibra (49%), duas das maiores empresas produtoras de celulose do país.

 

A Aracruz Celulose é a líder mundial na produção de celulose branqueada de eucalipto. A Companhia responde por cerca de 27% da oferta global do produto. A capacidade de produção da Aracruz, de cerca de 3 milhões de toneladas anuais de celulose, está distribuída pelas unidades de Barra do Riacho - ES (2,1 milhões de t), Guaíba - RS (430 mil t) e Veracel - BA (450 mil t). Esse volume é exportado para os mercados da Europa, Ásia, América do Norte e América Latina.

 

A CENIBRA - Celulose Nipo-Brasileira - produz 1.140 mil toneladas por ano de celulose branqueada de eucalipto na sua fábrica de Belo Oriente, MG. A empresa exporta cerca de 95% desse total, principalmente para mercados da Europa, Ásia e América do Norte.

As duas empresas são reconhecidas pela qualidade da sua celulose, que é destinada à fabricação de papéis de imprimir e escrever, papéis sanitários e papéis especiais de alto valor agregado.

 

 A infra-estrutura de transportes do terminal é completa. A celulose chega a Portocel por diferentes modais de transporte: rodoviário, ferroviário e marítimo, através de barcaças. Além disso, o terminal conta com os equipamentos necessários para suporte do recebimento e expedição dos fardos de celulose, sendo todos os registros operacionais efetuados através de coleta eletrônica de dados e transmitidos em tempo real para uma rede de microinformática. Esse sistema está ligado aos sistemas da Alfândega via EDI.

 

Para segurança de pessoas, cargas e embarcações, o terminal especializado de Portocel cumpre as normas do ISPS Code.

 

A obra

Responsáveis pelos projetos arquitetônicos de expansão do Terminal, a PÖYRY Tecnologia Ltda, especificou para a NOVA PORTARIA DO COMPLEXO PORTUÁRIO, cobertura em estrutura espacial, apoiada em através de braços metálicos, fixados a Caixa D’água elevada.

 

O projeto arrojado resultou em solução de grande beleza, com balanços de até 12.00m.  Notável foi a proteção contra a corrosão ambiental adotada. Pela proximidade com o mar, as partes e peças componentes das estruturas foram submetidas à zincagem por imersão a quente e posteriormente, pintura eletrostática para as peças de menor diâmetro e líquida para os braços de apoio.

 

O cronograma

O prazo total para elaboração de projeto, fornecimento e montagem, foi de 80 dias de trabalho efetivo,  atendendo ao cronograma contratual aprovado pela SERTENGE LTDA.

 

As estruturas espaciais

As estruturas foram fabricadas em Campinas, zincadas a quente em Indaiatuba,  pintadas em São Paulo, e expedidas em remessa única para a obra.

 

A montagem utilizou equipe própria e foi dividida em duas etapas, sendo a primeira, pré-montada na cota final de apoio sobre a laje de concreto dos vestiários, anexo a Portaria. A malha situada sobre a rua, foi pré-montada no solo e posteriormente içada através do sistema de içamento SPCOM, formado por torres, roldanas, patescas e guinchos de alavanca.

 

Rua Maria Assunta Gualtieri de Camargo, 200 • Bairro Três Marias • Campinas / SP • PABX (19) 3282-1668 • spcom@spcom.eng.br

©2008 SPCom Obras Metálicas